Reservar passeios turísticos parece uma tarefa simples. Mas, alguns detalhes durante esse processo exigem atenção dos viajantes e fazem a diferença, evitando dores de cabeça que podem arruinar a experiência durante a viagem, desde perder dinheiro com reservas não reembolsáveis até se decepcionar com o roteiro desejado.

Neste post, listamos cinco erros que provavelmente você está cometendo na hora de reservar seus passeios turísticos, com dicas de como evitá-los. Confira!

1. Não checar todas as informações que você precisa sobre o passeio

A reserva de um passeio nunca deve ser precipitada e sem uma boa checagem de informações. Mesmo um viajante mais experiente pode se decepcionar achando que está reservando um excelente roteiro, mas se decepcionar chegando lá e descobrir que não era bem o que estava esperando. Por isso, avalie toda a descrição do passeio com atenção, veja fotos e vídeos, se há reviews de outras pessoas e, em casos mais particulares, entre em contato com a empresa para tirar suas dúvidas.

2. Não questionar por que um passeio é tão barato

Design sem nome 2 1024x726 - 5 erros na hora de reservar passeios para você nunca mais cometer

Agarrar uma pechincha de última hora não é algo inédito, mas, nunca sacrifique a segurança para economizar um dinheirinho. A empresa que realiza o passeio é regulamentada? E a qualidade dos equipamentos utilizados? Os profissionais são qualificados? No caso de uma empresa brasileira, é possível conferir se ela está credenciada no Cadastur, que reúne todos os prestadores de serviços de turismo no Brasil. Se não estiver, é um sinal de que é menor profissional e menos estruturada.

Em casos de passeios de aventura, vale, inclusive, dar uma olhada se a agência possui a certificação da norma ABNT ISO 21.101, que define os requisitos do Sistema de Gestão de Segurança para essa modalidade de turismo.

3. Escolher um passeio com tarifa não–reembolsável

Talvez você descubra isso da pior maneira possível, mas a maioria dos passeios que são vendidos hoje no Brasil são de natureza não reembolsável. Isso significa que, qualquer mudança de planos, você tem grandes chances de perder tudo do que pagou se não puder remarcar a viagem. E em tempos de covid-19, mais do que nunca, sabemos o quanto é importante se preparar para imprevistos.

Nesse caso, é mais do que importante ficar de olho nas regras que envolvem a reserva. Se você precisar cancelar, eles vão reembolsar o seu dinheiro? Ou é oferecido apenas um crédito para uso futuro? Existe alguma taxa extra para remarcação? Dê sempre preferência para empresas que oferecem esse tipo de benefício, mesmo que isso signifique que você vai ter que desembolsar uma grana a mais.

>> Reservando seus passeios com a Levarti você garante o reembolso integral do valor pago para cancelamentos realizados até 24h antes da utilização.

4. Não usar o cartão de crédito na hora de reservar

Design sem nome 1 1024x726 - 5 erros na hora de reservar passeios para você nunca mais cometer

Não só na hora de reservar os passeios, mas com todos os gastos da viagem, usar cartão de crédito pode ser uma boa escolha. Isto porque alguns cartões oferecem benefícios como milhas aéreas, cashback, além de claro, a possibilidade de parcelar o valor dos passeios, facilitando na organização do orçamento da viagem.

Pagar com o cartão de crédito também facilita o recebimento de valores pagos caso o passeio venha a ser cancelado, já que o estorno é feito direto em sua fatura.

>> Na Levarti você pode parcelar os seus passeios em até 4x sem juros, reservando pelo site ou através dos nossos canais de atendimento. Clique aqui e aproveite essa facilidade.

LEIA MAIS: Programas de fidelidade/milhagem – como aproveitar as vantagens

5. Esperar até o último minuto para reservar

Apesar de não ter uma melhor data para realizar reservas de passeios, deixar para última hora certamente não é a melhor opção. São dois riscos enormes: os preços podem subir e há o risco de perder o passeio desejado, especialmente em períodos de alta estação, como por exemplo nas férias escolares e feriados prolongados.

Por isso, o ideal é combinar com a família, amigos ou parceiros de viagem, para quando encontrar um preço bom a decisão de compra ser tomada com agilidade.

Essa dica vale não só na hora de reservar os passeios mas também hospedagem e passagens aéreas.

LEIA MAIS: Como organizar uma viagem em grupo.


E você, já deu alguma mancada na hora de reservar seus passeios turísticos? É bem provável que sim, não é mesmo? Conta pra gente aqui nos comentários como foi sua experiência.